sexta-feira, 15 de março de 2013

Moeda de troca

Vamos consertar o mundo, 
trabalhando de domingo a domingo,sem pausa para o cachimbo.

Vamos viver feito sapato,com o patrão, lado a lado,sorriso no rosto, bolso furado.


Vamos produzir,faça frio ou calor.Vamos viver de amor.
(Michele Pupo)

3 comentários:

  1. Querida amiga

    As palavras
    que semeiam o pensar
    são preciosas.
    Delas nascem sentimentos
    que nos tiram do lugar comum
    e nos fazem sentir
    o perfume
    precioso da vida.

    Olha o céu de manhã.
    Vês como brilha iluminado
    por teus sonhos...

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. ..."Vamos Viver de Amor!

    Olá cara Michele! Boa Noite! Ah... como seria bom, como seria realmente bom... viver só de amor, mas ultimamente esse sentimento tem se feito escasso nos corações de muitas pessoas, isso é triste, mas eu não perco a esperança de um dia a humanidade acordar para vida e perceber a verdadeira sutileza, é prática do amor. Nós nos enchemos de diversas teorias sobre o amor e variadas vezes esquecemos de por em prática... Nos atentemos oras! ^^ Rsrs... Sabe Mi, de tão romantizado, o amor quando aparece 'nu e cru' a nossa porta, assusta um pouco, nos deixa vulneráveis, não que o mesmo esteja ausente de romantismo, mas por se aproximar muito do realismo' de fato'. É aquela questão de querer está com alguém, mesmo quando os defeitos e limitações estão expostos, quando temos que ser mais flexíveis para não se machucar, nem machucar o outro, mas não deixando a sinceridade de lado, apenas procurar um eufemismo para que tudo se ajeite logo. Porém é claro, há momentos em que a verdade vem fria, mas pelo amor descobrir a capacidade de perdoar mais uma vez e voltar, ou simplesmente perdoar e não querer o outro mais perto, ou não deixa lo de amar por estar longe, quando permitirmos que se vá, mesmo sabendo que a felicidade dele(a) será partilhada com outro (a) .... e assim por diante. Por isso digo que o amor é realístico, não permite viver de ilusões, mas da vontade e perseverança de ambos para continuar a jornada juntos, encarando qualquer atribulação, por um objetivo em comum.... Ah.. minha cara, embora eu saiba pouco do amor, tento entende lo de forma mais profunda... : ]

    Fica em Paz Mi! Abraço de sua fã de sempre (digo, desde que conheci seu escritos. Rsrs..)

    BjuUs!

    ResponderExcluir


"Se você me lê será por conta própria e autorrisco." (Clarice Lispector)