segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Palhaçada!


Fico tremendamente irritada quando algum conhecido sugere ou deduz que eu deva realizar uma revisão de texto (ou qualquer outra tarefa ligada a minha profissão), sem receber nada por isso. A praga do " você pode dar uma olhadinha" não fica restrita  a professores. Conheço médicos, veterinários, dentistas e advogados que são abordados por amigos e familiares e que recusam qualquer tipo de atendimento de cortesia. Com razão, claro. Qualquer profissional que se preze, passou, no mínimo, mais de 21 anos dentro de Instituições de ensino para que um dia pudesse exercer sua atividade e ser remunerado por ela.
Nossas contas, como a de todo mundo,  não são pagas com amizade ou amor. Sentir prazer com o trabalho escolhido e desempenhar bem a sua profissão é uma coisa. Fazer papel de bobo é outra totalmente diferente. 


Um comentário:

  1. Sim, algumas profissões são mais vítimas desse tipo de atitude, sem dúvida.

    Beijocas

    ResponderExcluir


"Se você me lê será por conta própria e autorrisco." (Clarice Lispector)