sexta-feira, 30 de março de 2012

Pensamento perfeito

Eu sempre acreditei na educação. Eu sempre acreditei na minha missão de educar.
Enquanto "mestre" aprendi que é imprescindível não ter medo, que é necessário arriscar e reagir ao sistema, por mais duro que ele seja.
Aprendi que o amor à profissão não transforma o mundo, mas é capaz de mudar a vida de muitos. 
Aprendi, sobretudo, que o ensino só se efetiva quando o "comandante em questão", no caso o professor, está motivado para guiar o barco.
A partir do momento que começamos a repensar o trajeto, é porque algo anda tremendamente torto.
Sendo assim, estou abandonando o leme. Quero ser lembrada com carinho pelo que um dia ensinei e pela forma como tratei meus alunos e não por ter me tornado uma velha rabugenta e desapontada.
Aproveitem. Este é meu último ano como professora.



7 comentários:

  1. Ainda estamos no primeiro semestre. calma! rs
    Um beijo

    ResponderExcluir
  2. Profissão difícil. Sou formado em História mas nunca lecionei.

    ResponderExcluir
  3. Paulo

    Mas sinto como se estivéssemos no quarto bimestre.

    Desisto.

    Um beijo

    ResponderExcluir
  4. Cristiano

    Concursos públicos para outras funções.

    rsrs

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Fred

    Amo a profissão. Mas amor é um sentimento que exige troca, não é?

    Um abraço

    ResponderExcluir


"Se você me lê será por conta própria e autorrisco." (Clarice Lispector)