terça-feira, 21 de junho de 2011

Um ato de coragem

Escrever é um ato de coragem. E escrever sobre si mesma, é a mais heroica das atitudes.
Eu faço questão de desviar meu olhar para dentro (de mim e dos outros). Perceber a graça e o que cada um tem de verdadeiro lá no fundo, faz a humanidade parecer menos ridícula.
Gosto de passar horas, relendo frases e de perder meu tempo desvendando as entrelinhas.
Deleito-me, percebendo os defeitos, os medos e as inseguranças que a minha sensibilidade pisciana detecta na minha pessoa e naqueles que me rodeiam.
Por vezes, erro completamente. Mas, em outras, desvendo almas, o que significa que sou dotada da mais ingênua intuição.
No entanto, me enchi de falar de mim. Cansei de falar dos outros. Cansei dos choros incontidos e dos pensamentos revelados. Não que eu já tenho dito tudo, sou um mistério para mim mesma, mas chega um momento que a gente cansa e acaba se tornando uma má companhia para si mesma. 
Isso mesmo, estou abrindo mão de mim. Vou atrás de um outro jeito de viver a minha vida.
Eu não entendia, continuo não entendendo e creio que nunca entenderei o que nos leva a dizer o que não sentimos e transformar o que não queremos naquilo que exprimimos.
Não tenho mais tempo para meu existencialismo barato.
Passei a minha vida tentando saber o "por que" de tudo e veja, sou toda incongruências, pontos de interrogação e reticências... 
Chega! Cansei disso. Cansei de procurar.  Cansei desta desorganização. 
Repito: Escrever é um ato de coragem e escrever sobre si mesma, é a mais heroica das atitudes. Mas isso já não importa. Não me acuse, nunca fui intrépida...
Sou feita de medos e desejos. Sou metade. Sou ausência e utopia.
O resto... bem... o resto é só resto!

7 comentários:

  1. Ah posso dizer que você inicialmente errou e muuito sobre mim. Hoje suspeito que não erra muito rsrs.

    Babei pro texto!

    E foi engraçado uma coisa. Li um texto aqui e quando voltei depois de cinco minutos já tava tudo mudado rs

    Você é uma camaleoa rs

    Bjs no pê!

    ResponderExcluir
  2. Eraldo

    Ah... errei, mas foi pouco né? Continuo te achando um abusado. Um doce abusado. rs
    Quanto às mudanças, adoraria fazê-las na vida real. Acordar cada dia com um cabelo e um jeito de olhar...
    Maluquice minha. rs

    Beijos amistosos e comportados.

    ResponderExcluir
  3. Ô, Michele! Texto bão de ler, sô! E quando falas com verdade, me prendes. Eu fico catando as letras, juntando tudo pra colecionar. E agora, do que vais falar? Fala do que quiseres, mas fala sempre assim. Tá delícia!

    Um beijo-eijo-eijo, me desculpa se sou avoada, mas quando venho é porque gosto. Mesmo

    ResponderExcluir
  4. Sou feita desse jeitinho também, só não sabia explicar.
    :D

    bjcas
    Rossana

    ResponderExcluir
  5. Alline

    :) Posso falar de céu, de flores e de bebês...rs


    Bom FDS!!!

    BJS

    ResponderExcluir
  6. Rossana

    E no fim das contas, isso é bom, não é?

    =)


    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  7. Hummm, isso muito me agrada, principalmente de céu. =DDDD

    Bom feriado!!!
    E, claro, beeeeeeeeeeeijo

    ResponderExcluir


"Se você me lê será por conta própria e autorrisco." (Clarice Lispector)